Geologia no Circuito: processos sedimentares


Christiano Rodrigues • Guilherme Drager • Guilherme Fonseca • Matheus Brant • Rafael Teodoro • Renato Vasconcellos

Os dois trabalhos foram orientados pela professora Ana Katiuscia Pastana de Souza Weber. O primeiro é sobre os agentes caracterizadores na margem da represa de Três Marias. 

De acordo com Gabriel, um dos alunos responsáveis pela pesquisa, na represa de Três Marias, ocorre um fenômeno chamado de vento “reinante”, que se caracteriza quando existem rajadas de vento predominantemente para uma mesma direção. Levando-se em conta que é uma represa de grande porte, esse fenômeno gera ondas, que acabam  modificando  o relevo e a sedimentação das rochas da região. 

‘’Graças a um trabalho de campo realizado no dia 2/11 a gente pode concluir que as rochas, nas margens das represas onde havia um maior embate de ondas, estavam mais arredondados e esféricos. Isso significa que as rochas vão rolando e se arredondando, e isso modifica a sedimentação’’, explicou Gabriel.

Todo esse processo pode causar um fenômeno que os geólogos chamam de voçoroca, um abatimento da terra, e contato com o lençol freático, que é uma das principais causas de desmoronamento, ou seja é extremamente perigoso a prosseguimento de um projeto de construção civil em uma dessas áreas.

Descrição geomorfológica do córrego Brumado

Já o segundo grupo escolheu falar sobre a descrição geomorfológica do baixo curso da microbacia do córrego de Brumado. Segundo a estudante Viviane de Matos Silva, este é um tema bem aplicável para geologia, já que é realizada uma caracterização geológica e geomorfológica, enquadrando as matérias que eles precisam nesse semestre, que é geomorfologia e geologia sedimentar.

Depois de várias pesquisas  teóricas e de campo, Viviane e seus colegas chegaram à conclusão de que a granulometria das rochas muda em cada parte da bacia, já que elas sofrem efeitos diferentes, dependendo do relevo onde se encontram já que os sedimentos são depositados de várias formas na bacia, formando assim uma estratigrafia, que seria a divisão do conteúdo da bacia em várias camadas de sedimentos que são diferentes uns dos outros, e são assim chamadas de camadas estratigráficas. 

 

geologia

 

Sem comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *